Blog Appto


  • Exercícios físicos são heróis ou vilões das dores de cabeça?

     

    Os exercícios físicos possuem diversos benefícios notáveis para a nossa saúde. Mas você sabia que a prática de exercícios de forma constante ajuda também a aliviar as dores de cabeça e a enxaqueca? Há diversos estudos que indicam que uma leve caminhada já estimula a produção de neurotransmissores que funcionam como analgésico para o corpo. Continue a leitura e saiba mais sobre o assunto!

    O estudo

    Um estudo publicado pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) aponta que uma prática regular de atividade física estimula o corpo na produção de um “analgésico natural”. De acordo com a pesquisa, neurotransmissores são produzidos e liberados, promovendo uma sensação de relaxamento e alívio natural das dores.

    Além disso, o estudo aponta que caminhadas regulares influenciam positivamente na redução do quadro de enxaqueca. Tal problema surge, principalmente, através de alterações rápidas nos vasos sanguíneos e o exercício físico leve vem como medida para remediar essas mudanças bruscas nas artérias.

    Você pode conferir mais sobre o estudo clicando aqui ou na íntegra clicando aqui.

    Restrições

    Se engana quem acha que apenas praticar exercícios resolve todos os problemas da dor de cabeça. Os exercícios não devem ser praticados durante as dores ou crises de enxaqueca, debaixo do sol quente e muito menos sem orientação profissional.

    Apesar de uma pesquisa quantitativa indicar que pessoas sedentárias têm 43% de chance a mais de ter enxaqueca do que uma pessoa ativa, o sedentarismo pode não ser a causa principal do seu problema. Estresse, luminosidade, excesso de álcool e má alimentação são outros fatores que podem propiciar as dores de cabeça.

    Vale ressaltar que a enxaqueca afeta 15% da população brasileira, segundo dados da Organização Mundial da Saúde e, por ser um problema adverso, merece acompanhamento de profissionais qualificados. Aqui na Appto, com os nossos programas de treinos individualizados, podemos receber indicações do seu médico e construir um plano de exercícios que melhor auxilie no combate dos seus problemas.

    ANGELO BORGO NETO é Educador Físico, especialista em Treinamento Desportivo de Alto Rendimento e em Fisiologia do Exercício. Possui experiência em avaliações e preparação física para natação de alto rendimento, futebol e handebol, equipes de corrida, ciclismo, vôlei de praia e iatismo. Atuou também como preparador físico do Centro Olímpico do Espírito Santo (COES).

    Fontes complementares

    Unifesp

    Estudo sobre enxaqueca da Unifesp (íntegra)

    Pesquisa quantitativa (Globo Repórter)

    Sociedade Brasileira de Cefaléia (Dados da OMS)


    Compartilhar:


    Comentários:


    Voltar

Kreato Desenvolvimento Web